Revista de Economia e Sociologia Rural
https://revistasober.org/article/5d8a5c2f0e88254d22c51226
Revista de Economia e Sociologia Rural
ARTIGO ORIGINAL

TRANSFORMAÇÕES AGRÁRIAS NOS BABAÇUAIS DO MARANHÃO  

PETER H. MAY

Downloads: 1
Views: 605

Resumo

O presente estudo analisa fatores econômicos que afetam aestabilidade dos sistemas de produção praticados por pequenos produtores e pecuaristas em áreas de ocorrência do babaçu no Maranhão. Mudanças em tais sistemas tradicionais de produção, provocadas pelo aumento em áreas de pastagens, resultam em restrição ao acesso aos babaçuais e em degradação das palmeiras ainda acessíveis para extração. Um novo mercado para o côco inteiro, carvão e casca do babaçu, ainda incipiente, tem implicações importantes para o emprego e a renda dos pequenos produtores. Da mesma forma, as mudanças que ocorrem na área rural podem limitar as perspectivas futuras da extrato-indústria do babaçu. O impacto sócio-econômico do aproveitamento integral do babaçu seria positivo em alguns contextos geográficos. Considera se essencial, no entanto, a promoção de mudanças institucionais nos contratos de usufruto da terra e das palmeiras, a fim de possibilitar uma melhor distribuição dos benefícios decorrentes do avanço técnico.

Palavras-chave

babaçu, Maranhão, emprego, extrativismo, tecnologia, transformação agrária.

Referências

ALMEIDA, A.W. de & MOURÃO, L. Questões agrárias no Maranhão contemporilneo. São Luis,SEPLAN, 1975, s.p.

AMARAL, J. A economia política do babaçu: a situação e tendências da extrato-indústria do babaçu no Maranhão. Recife, UFPE, 1983. 197p. Tese M.S.

ANDERSON, A. The biology of Orbignya Martiana (Palmae) a tropical dry forest dominant in Brazil. Gainesville, Florida, Universidade da Florida, 1983. 194p. Tese Ph.D.

ANDERSON, A. & MAY, P. A palmeira de muitas vidas. Ciência Hoje, 3(19) :58-64, 1985.

CARVALHO, J. H. de. Possibilidades de associação do babaçu com culturas temporárias e permanentes. Trabalho apresentado na Reunião de Trabalho sobre Babaçu, EMBRAPA/UEPAE de Teresina, 10 a 15 de março de 1986.

FERDINANDEZ, D. E. Effects of monospecific pasture swards on the yield of coconuts. Ceylon Coconut Otrly. 19:51-53, 1972.

FINOR. Dados cumulativos de acompanhamento de projetos do sistema FINOR. Escritório da SUDENE, São Luís, Maranhão, s.d., s.p.

FIPES. Realidade e perspectivas do babaçu: mesa redonda.-São Luís, Fundação Instituto dePesquisas Econômicas e Sociais, 1982. 88p.

HARDIN, G. The tragedy of the commons. Science, 162 :1243-1248, 1968.

FUNDAÇÃO INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATISTICA. Rio de Janeiro, RJ. Censo agropecuário, 1975: Maranhão. Rio de Janeiro, FIBGE, 1979.

FUNDAÇÃO INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATISTICA. Rio de Janeiro, RJ. Anuário estatístico, 1983. Rio de Janeiro, FIBGE, 1984a.

FUNDAÇÃO INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATISTICA, Rio de Janeiro, RJ. Censo agropecuário, 1980: Maranhão. Rio de Janeiro, FIBGE, 1984b.

INSTITUTO DE PESQUISAS TECNOLÓGICAS. São Paulo, SP. Análise tecnológica, econômica e social do aproveitamento integral do côco de babaçu. 2 vol. São Paulo, 1979. s.p.

LUNA, R. C. A terra era liberta: um estudo da luta dos posseiros pela terra no Vale do Pindaré/MA. São Luis, UFMA, 1983. 146p.

MAY, P. A modem tragedy of the non-commons: agro-industrial change.and equity in Brazil's babaçu palm zone. lthaca, Nova York, Universidade de Cornell, Programa de Estudos Latino-Americanos, 1986. 432p. Tese Ph.D.

MAY, P.; ANDERSON, A.; BALICK, M. & FRAZAO, J. M. Subsistence benefits from the babaçu palm (Orbignya martiana). Economic Botany,39:113-129, 1985.

MIC/STI. Mapeamento e levantamento do potencial das ocorrêooias de babaçuais, Estados do Maranhio, Piaui, Mato Grosso e Goiás. Brasília, Ministério da Indústria e Comércio, 1982. 62p. & mapas.

NICHOLLS, W. H. & PAIVA, H. M. The ltapecuru Valley of Maranhão:Caxias. ln: Ninety• nine Fazendas: The Structure anti Productivity of Brazilian Agriculture. Capítulo 2. Nashville,

Centro para Estudos Latino-Americanos, Universidade de Vanderbilt (EUA), 1966, 151p.

NICHOLLS, W. H. & PAIVA, R. M. Mudanças na estrutura e produtividade da agricultura brasileira, 1963/73: noventa e nove fazendas revistadas. Rio de Janeiro, IPEA/INPES, 1979.

PLUCKNETT, D. Managing pastures and cattle under coconuts. Boulder, Westview, 1979.

REPETTO, R. & HOLMES, T. The role of population in resource depletion in developing countries. Population & Development Rev., 9:609-632.

REYNOLDS, S. G. Grazing cattle under coconuts. World Animal Review, 35 :40-45, 1980.

RIKA, 1. K.; NITIS, 1.M. & HUMPHREYS, R. Effects of stocking rate on cattle growth, pasture production and coconut yield in Bali. Tropical Grasslands, 15 :149-157, 1981.

SNLCS. Zoneamento edafo-clim6tico do babaçu nos Estados do Maranhão e Piauí. Recife, EMBRAPA, 1984. s.p.

SUDENE. Tabelas de preços limite - projetos agropecuários e agro-industriais. Recife, SUDENE, 1984. s.p.

TENDLER, J. Shifting agriculture, land grabbing, and peasant organization on Brazil's northeast frontier: COLONE's Alto Turi Project and the Baixada Occidental in the State of Maranhão. Relatório de Consultoria, Banco Mundial, Washington, D.C., 1980. 89p.

5d8a5c2f0e88254d22c51226 resr Articles
Links & Downloads

resr

Share this page
Page Sections