Revista de Economia e Sociologia Rural
https://revistasober.org/article/5ea03c2e0e88251328c84920
Revista de Economia e Sociologia Rural
ARTIGO ORIGINAL

A VITIVINICULTURA DO RIO GRANDE DO SUL E A INTEGRAÇÃO ECONÔMICA BRASIL - ARGENTINA

BARTHOLOMEU E. STEIN NETO; VALTER JOSÉ STÜLP

Downloads: 0
Views: 80

Resumo

O estudo analisa os efeitos sobre a vitivinicultura galicha da integração do Brasil com a Argentina. Este país é um dos maiores produtores de vinho do mundo. Uma conclusão é a de que os vinhos comuns argentinos têm potencial de dominar até 85% do mercado de vinhos comuns do Brasil. Como conseqüência, a redução no emprego de mão-de-obra usada na produção de uva poderia chegar a até 40%. Como efeitos positivos cita-se reduções de até 30% no preço do vinho a nível de consumidor e uma maior diversificação do produto para sua escolha. O estudo conclui ainda, através da teoria dos jogos, que a estratégia de colocação de vinhos finos brasileiros no mercado argentino seria uma das melhores para o Brasil.

Palavras-chave

integração econômica, vinho, competitividade, estratégia de mercado.

Referências

ANDIC, F.; ANDIC, S. & DOSSER, D. Una contribuición a la teoria de la integración económica. ln: ANDIC, F. & TEITEL, S. Integraci6n Econ6mica. Ciudad del México: Fondo de Cultura Económica, 1977. p. 390-409.

ANZORENA, A. S. El vino comt1n: una especie en extinción? Vinos y Viiias, n2 129. Buenos Ayres, Associación Vitivinícola Argentina, 1987, 1987. p. 3.

BALASSA, B. Creación y desviación de comercio en el Mercado Comt1n Europeo. In: ANDIC, F. & TEITEL, S. Integraci6n Econ6mica. Ciudad dei México: Fondo de Cultura Económica, 1977. p. 461-84.

CHAUVET, M. & REYNER, A. Manual de Viticultura. Lisboa: Litexa, 1984.
CHIANG, A. Matemática para economistas. São Paulo: Editora da Universidade de São Paulo/McGraw-Hill, 1982.

EMBRAPA. Sistema de produção para uvas americanas e híbridas. Bento Gonçalves: EMBRAPA, 1983A.

EMBRAP A. Sistema de produção para uvas européias. Bento Gonçalves: EMBRAP A, 1983B.

EMBRAPA. Vitivinicultura no Brasil; Informações estatísticas. Bento Gonçalves: EMBRAPA, 1986A.

EMBRAPA. Perfil s6cio-econ8mico e tecnol6gico das propriedades vitícolas dos mu- uicfpios de Bento Gonçalves e Flores da Cunha. Bento Gonçalves: EMBRAP A, 1987.

EMBRAPA. Vitivinicultura no Brasil; Informações etatísticas. Bento Gonçalves: EMBRAP A, 1988 (2~ edição ampliada).

GUTIERREZ, J. E. P. A integração Brasil-Argentina; um estudo da competitividade na - produção de grãos. Porto Alegre: 1988. (Dissertação de Mestrado, versão não publicada).

MATUELLA, J. & ROHR, E. Cálculo do custo de produção de uva comum. Porto Alegre: 1985 (trabalho não publicado).

SOLANET, A. La vitivinicultura argentina. Anales de la Sociedad Rural Argentina, n2 10-12, anõ 121: Buenos Aires, Sociedad Rural Argentina, 1987. p. 60-1.

STEIN NETO, B. E. A vitivinicultura do Rio Grande do Sul e a integração econ8mica Brasil-Argentina. Porto Alegre: IEPE/UFRGS, 1991 (Dissertação de Mestrado).


Submetido em:
13/05/1991

Aceito em:
10/12/1991

5ea03c2e0e88251328c84920 resr Articles
Links & Downloads

resr

Share this page
Page Sections