Revista de Economia e Sociologia Rural
https://revistasober.org/article/5ea961c90e8825b922bd4787
Revista de Economia e Sociologia Rural
ARTIGO ORIGINAL

MODIFICAÇÃO DO AMBIENTE VERSUS ADAPTAÇÃO DAS PLANTAS AO MEIO: UMA ANÁLISE ECONÔMICA

JOÃO CARLOS GARCIA

Downloads: 0
Views: 48

Resumo

Os diforentes graus de adaptação entre os seres vivos e o ambiente podem ser utilizados pela pesquisa agrícola, tanto para adaptar as plantas (ou ani- mais) à condição ambiental como para modificar estas condições a fim de atender às exigências das plantas (ou animais). O objetivo deste trabalho foi realizar uma análise econômica de resultados destas orientações de pesquisa. Foram analisados dados referentes à resposta de três híbridos de milho, com diferentes graus de adaptação a solos com elevada acidez e baixo teor de fósforo, à calagem e à adubação fosforada. A análise, com base no lucro e no risco, infelizmente não foi capaz de fornecer uma indicação clara acerca do híbrido mais recomendável para agricul- tores avessos ao risco. Entretanto, a partir das distribuições de probabilidade obti- das, pode-se inferir que os híbridos mais adaptados a condições adversas pode- riam ser escolhidos por agricultores mais avessos ao risco, Isto indica a validade do desenvolvimento destes tipos de híbridos para melhor atender aos desejos destes agricultores.

Palavras-chave

milho, híbrido, risco, fósforo, calcário, meio ambiente

Referências

ANDERSON, J,R, Risk efficíency in the interpretation of agricultural produc• tion research, Rev. Marketing Agric. Econ., New South Wales, 42(3): 131- -84. Sep, 1974,

ANDERSON, J,R, Sparce data, climatic variability and yield uncertainty in response ,malysis, Am. J. Agric. Econ., Menasha, 55(1): 77-82, Feb., 1973.

GARCIA, J.C, & CRUZ, L.C, Seieção pela dominância estocástica, de 9ráticas agrícolas eficientes com respeito ao risco; uma aplicação para a cultura do milho, R. Econ. rural, Brasília, 17 (2); 131-42, abr.ijun,, 1979,

GARCIA, J,C, & RUAS. D.G.G. Seleção de sistemas de produção para milho em condições de risco. R. Econ. rural, Brasília, 19(4):585-95, out.ídez. 1981.


Submetido em:
30/08/1982

Aceito em:
19/10/1982

5ea961c90e8825b922bd4787 resr Articles
Links & Downloads

resr

Share this page
Page Sections