Revista de Economia e Sociologia Rural
https://revistasober.org/article/doi/10.1590/1234-56781806-94790550404
Revista de Economia e Sociologia Rural
Artigo original

Identificação de Demanda e Preferências no Consumo de Carne Ovina com Apoio de Técnicas de Estatística Multivariada1

Ricardo Firetti; Ana Lucia Luz Alberti; Marilice Zundt; Antônio Assiz de Carvalho-Filho; Eduardo Cardoso de Oliveira

Downloads: 0
Views: 556

Resumo

Resumo:: Este trabalho visa comprovar a existência de mercado para a carne ovina em cidades médias próximas a Presidente Prudente (mercado regional) e a percepção desses consumidores sobre os produtos que adquirem. Foram entrevistados 3.249 pessoas em oito cidades médias próximas utilizando-se formulários implementados em dispositivos portáteis. Investigou-se a frequência de consumo (atual e potencial) e opiniões sobre as características da carne ovina, e preferências de aquisição e consumo. Parte dos dados obtidos, referentes aos consumidores de carne ovina, foi tabulada e submetida a testes de validação e consistência interna; técnicas de estatística descritiva e multivariada. Do total de pessoas entrevistadas, 38,5% foram considerados consumidores de fato. O estudo comprovou que existe grande demanda de carne ovina nos municípios analisados em consumo domiciliar mensal, preferencialmente, na forma assada (68,5% na brasa e 18,8% no forno). A aquisição de produtos sem garantias oficiais de inspeção continua elevada, sendo que os supermercados apresentaram os piores níveis de satisfação em relação ao preço praticado (ao contrário da compra direta do produtor), mas, mesmo assim, este canal de comercialização de varejo é reconhecido como fornecedor de produtos seguros do ponto de vista higiênico-sanitário.

Palavras-chave

agronegócio, cordeiro, análise de correspondência, marketing

Referências

BÁNKUTI, F. I; BÁNKUTI, S. M. S; e MACEDO, F. A. A informalidade em sistemas agroindustriais: um estudo exploratório dos hábitos de consumo de carne ovina na cidade de Maringá, Estado do Paraná. Informações Econômicas, v. 43, n. 1, p. 5-17, 2013.

BARCHET, I; e FREITAS, C. A. Integração de preços entre o Rio Grande do Sul, Uruguai, Brasil e Austrália nos mercados da carne ovina e da lã. Espacios, Caracas, v. 33, n. 7, p. 5, 2012. Disponível em:<Disponível em:http://www.revistaespacios.com/a12v33n07/12330705.html >. Acesso em: 05 jan. 2013.

BARRETO NETO, A. D. Posicionamento estratégico do setor de carnes de caprinos e ovinos no mercado de carnes brasileiro. Tecnologia e Ciência Agropecuária, João Pessoa, v. 4, n. 4, p. 81-85, 2010.

BENZÉCRI, J.-P. Correspondence analysis handbook. New York: Marcell Dekker, 1992.

BEZERRA, L. M. C. et al. Desenvolvimento rural da Alta Sorocabana em São Paulo: uma contribuição através da prospecção de demandas. Revista Brasileira de Gestão e Desenvolvimento Regional, Taubaté, v. 6, n. 3, 2010.

CARVALHO, G.A. et al. Caracterização do mercado da carne ovina em Sobral, Estado do Ceará. Informações Econômicas, São Paulo, v. 46, n. 2, 2016.

DECKER, S. R. F; FERNANDES, D. A C; e GOMES, M. C. Gestão Competitiva na Produção de Ovinos. Agropampa: Revista de Gestão do Agronegócio, v. 1, n. 1, 2016.

FARINA, E. Q. M; e ZYLBERSZTAJN, D. Relações tecnológicas e organização dos mercados do sistema agroindustrial de alimentos. Cadernos de Ciência & Tecnologia, v. 8, n. 1, p. 9-27, 1991.

FIRETTI, R; e BONACELLI, M. B. M. Mecanismos e resultados de ações regionais de pesquisa agrícola baseadas em estudos prospectivos. Revista de Economia Agrícola, São Paulo, v. 60, n. 2, p. 41-55, 2013.

FIRETTI, R; e BONACELLI, M. B. M. et al. Aspectos mercadológicos da carne ovina no município de Presidente Prudente, Estado de São Paulo. Informações Econômicas, v. 41, p. 5-18, 2011.

FIRETTI, R; e BONACELLI, M. B. M., CARRER, C. C. e SILVA, V. L. Percepção dos consumidores paulistas em relação a carne ovina: análise fatorial por componentes principais. Revista Brasileira de Saúde e Produção Animal, v. 11, n. 1, p. 1-13, 2010.

GIL, A. Método e técnicas de pesquisa social. 6. ed. São Paulo: Atlas, 2012. 200p.

GOIS, G. C. et al. Composição de ácidos graxos na carne ovina. Journal of Biology & Pharmacy and Agricultural Management, João Pessoa, v. 12, n. 3, 17p., 2016.

HAIR, J Jr; J, F; et al. Análise multivariada de dados. Trad. Adonai Schlup Sant’Anna. 6. ed. Porto Alegre: Bookman, 2009.

IBGE - Instituto Brasileiro de Geografia e Estatísticas. Pesquisa Pecuária Municipal 2015. Rio de Janeiro: IBGE, 2016

LUCENA, L. P. et al. Cadeia produtiva da ovinocultura em Mato Grosso do Sul: uma análise de seu sistema de coordenação agroindustrial. In: CONGRESSO BRASILEIRO DE ECONOMIA, ADMINISTRAÇÃO E SOCIOLOGIA RURAL, 46., 2008, Rio Branco. Anais... Brasília: SOBER, 2008. CD-ROM.

RAMOS, M. J. et al. Sistema agroindustrial da carne ovina no Oeste paranaense. Revista de Política Agrícola, v. 23, n. 1, p. 18-32, 2014.

SORIO, A. A carne ovina e o abate clandestino: A informalidade tem jeito?Revista Cabra e Ovelha, n. 78, maio2013.

SOUZA, M. V. M. et al. Reflexões sobre o conceito de cidade média e a configuração das estruturas comerciais varejistas e de serviços: o caso do bairro Planalto em Uberlândia (MG). In: XSIMPÓSIO NACIONAL DE GEOGRAFIA URBANA. Anais...Florianópolis: UFSC, 2007. p. 01-21.

VIANA, J. G. A; REVILLION, J. P. P; e SILVEIRA, V. C. P. Alternativa de estruturação da cadeia de valor da ovinocultura no Rio Grande do Sul. Revista Brasileira de Gestão e Desenvolvimento Regional, Taubaté, v. 9, n. 1, p. 187-210, 2013.

ZUNDT, M. et al. Qualidade microbiológica e química da carne de ovinos de duas diferentes procedências comercializada em Presidente Prudente-SP. Colloquium Agrariae, v. 10, n. 2, p. 75-83.
 

5cee89fe0e88259b44a63c0f resr Articles
Links & Downloads

resr

Share this page
Page Sections