Revista de Economia e Sociologia Rural
https://revistasober.org/article/doi/10.1590/1806-9479.2019.166437
Revista de Economia e Sociologia Rural
Artigo original

Uma cadeia produtiva mais integrada? A utilização do hedge dinâmico na oscilação dos preços diários da cadeia produtiva da carne suína

A more integrated production chain? The use of dynamic hedge in the daily price oscillation of the pork production chain

Jovani Patias; Sergio Guilherme Schlender; Claudio Edilberto Höfler; Marco Antonio da Costa Malheiros; Leoni Pentiado Godoy

Downloads: 1
Views: 133

Resumo

Trabalhos recentes têm mostrado uma falta de integração entre o mercado do produtor e o varejo na cadeia produtiva da carne suína. Uma solução para amenizar esse entrave poderia ser feito por meio da estratégia de hedge dinâmico com o modelo Garch-DCC, que permitiria gerenciar as decisões de compra e venda diariamente. Nesse sentido, o objetivo do trabalho foi verificar se o modelo contribui eficientemente com os ajustes de preços diários entre os mercados em comparação ao modelo de regressão linear, fornecendo subsídios aos produtores para se protegerem das oscilações dos preços na cadeia, diminuindo o risco contra grandes variações de preços. Para isso, foi analisado o período de 03/01/2011 a 27/08/2015, em que foram extraídas 1.156 observações para análise. Como resultado, a estratégia de hedge pelo modelo Garch-DCC apresenta melhor desempenho em comparação com a realizada pela Regressão Linear na redução das oscilações do mercado. Com isso, este trabalho encontrou uma abertura para a integração nas percepções e nos processos de negociação desse mercado em análise.

Palavras-chave

hedge, suinocultura, integração

Abstract

Abstract: Recent work has shown a lack of integration between the producer and retail markets in the pork production chain. A solution to alleviate this obstacle could be performed through the dynamic hedging strategy with the Garch-DCC model, which would allow the management of daily buying and selling decisions. In this sense, the objective of the study was to verify if the model contributes efficiently to the daily price adjustments between the markets in comparison to the linear regression model, providing subsidies to producers to protect themselves from the price oscillations in the chain, reducing the risk against significant changes in prices. In order to do that, the period from 01/03/2011 to 08/27/2015 was analyzed, in which 1,156 observations were extracted for analysis. As a result, the hedge strategy for the Garch-DCC model presents better performance in comparison to the one performed by Linear Regression in reducing market oscillations. With this, this paper found an opening for the integration in the perceptions and the negotiation processes of this market in analysis.
 

Keywords

hedge, pig farming, integration

Referências

Arêdes, A. F., Santos, M. L., & Gomes, M. F. M. (2012). Uma análise da transmissão de preços da carne suína em mercados selecionados no brasil no período de 2000 a 2009. Organizações Rurais & Agroindustriais, 14(1), 142-154.

Balke, N. S., & Fomby, T. B. (1997). Threshold Cointegration. International Economic Review, 38(3), 627-645.

Barcellos, M. D. (2012). Consumers’ values and attitudes and their relation to the consumption of pork products: a study from A-Pork Chains in Brazil. Journal on Chain and Network Science, 12(1), 41-54.

Barcellos, M. D. (2011). Pork consumption in Brazil: challenges and opportunities for the Brazilian pork production chain. Journal on Chain and Network Science, 11(2), 99-113.

Bassi, N. S. (2008). O perfil dos suinocultores e avicultores de base familiar do sul do Brasil e seus principais canais de acesso a informações agropecuárias. Concórdia: Embrapa Suínos e Aves.

Bitencourt, W. A., Silva, W. S., & Sáfadi, T. (2006). Hedge dinâmico: uma evidência para os contratos futuros brasileiros. Organizações Rurais e Agroindustriais, 8, 71-78.

Engle, R. F. (2002). Dynamic conditional correlation: A simple class of multivariate generalized autoregressive conditional heteroskedasticity models. Journal of Business & Economic Statistics, 20(3), 339-350.

Engle, R. F., & Granger, C. W. J. (1987). Co-integration and error correction: representation, estimation and testing. Chicago. Econometrica, 55(2), 251-276.

Francisco, V. L. F. (1995). Sazonalidade em séries temporais econômicas: aplicações. Agricultura em São Paulo, SP, 42(1), 57-71.

Gil, A. C. (2010). Como elaborar projetos de pesquisa (5. ed.). São Paulo: Atlas.

Guimarães, D., Amaral, G., Maia, G., Lemos, M., Ito, M., & Custodio, S. (2017). Suinocultura: estrutura da cadeia produtiva, panorama do setor no Brasil e no mundo e o apoio do BNDES (n. 45). Rio de Janeiro: BNDES Setorial.

Griffith, G. R., & Piggott, N. E. (1994). Asymmetry in beef, lamb and pork farm-retail price transmission in Australia. Agricultural Economics, 10(3), 307-316.

Hansen, B. E., & Seo, B. (2002). Testing for two-regime threshold cointegration in vector error-correction models. Journal of Econometrics, 110(2), 293-318.

Hayenga, M. L., Jiang, B., & Lence, S. H. (1996). Improving wholesale beef and pork product cross hedging. Agribusiness, 12(6), 541-559.

Ljung, G. M., & Box, G. E. P. (1978). On a measure of lack of fit in time series models. Biometrika, 65(2), 297-303.

Martins, A. P. (2010). Transmissão de preços na cadeia produtiva de suínos (Tese de doutorado). Universidade Federal de Viçosa, Viçosa, MG.

Miele, M. (2006). Contratos, especialização, escala de produção e potencial poluidor na suinocultura de Santa Catarina. (Tese de doutorado) Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre.

Müller, C. A. S. (2007). Effectiveness analysis of statics and dynamics hedge strategies for Brazilian arabian coffee market 5 p. (Tese de doutorado). Universidade Federal de Viçosa, Viçosa.

Raimundo, L. M. B., & Batalha, M. O. (2015). Swine meat market in Sao Paulo: segments and strategies. Gestão & Produção, 22(2), 391-403.

Righi, M. B., & Ceretta, P. S. (2014). Transmissão da volatilidade entre ações de grandes e pequenas empresas no mercado brasileiro de capitais. Revista de Administração da UFSM, 7(2), 249-264.

Rocha, D. T. (2006). Competitividade entre os sistemas integrado e independente de produção de suínos (Dissertação de mestrado). Universidade Federal de Viçosa, Viçosa.

Rodrigues, G. Z., Gomes, M. M., Cunha, D. A., & Santos, V. F. (2015). Evolução da produção de carne suína no brasil: uma análise estrutural-diferencial. Revista de Economia e Agronegócio - REA, 6(3), 343-366.

Rodríguez, S. V., Plà, L. M., & Faulin, J. (2014). New opportunities in operations research to improve pork supply chain efficiency. Annals of Operations Research, 219(1), 5-23.

Santini, G. A., & Souza Filho, H. M. (2004, julho 25-28). Mudanças tecnológicas em cadeias agroindustriais: uma análise dos elos de processamento da pecuária de corte, avicultura de corte e suinocultura. In Anais do 42º Congresso Brasileiro de Economia e Sociologia Rural. Cuiabá: Congresso Brasileiro de Economia e Sociologia Rural.

Santos, A. H. G. (2001). Potencialidade de implantação do contrato futuro de suínos no Brasil (Tese de doutorado). Universidade Federal de Viçosa, Viçosa.

Santos Filho, J. I. (2008, julho 20-23). Formação de preços, rentabilidade e concentração no mercado de suinícola brasileiro. In 46th Congress. Rio Branco, Acre: Sociedade Brasileira de Economia, Administração e Sociologia Rural (SOBER).

Stigler, M. (2010). Threshold cointegration: overview and implementation in R (Working Paper). Revision 5.

Thomé, K. M., Reis, R. P., & Paiva, F. D. (2013). Brazil-Russia meat market: an analysis from the perspective of the new instituional economics. Organizações Rurais & Agroindustriais, 15(1), 75-86.

Tong, H. (1990). Non-Linear Time Series: a dynamical system approach. Oxford: Oxford Science Publications.

Weydmann, C. L., & Seabra, F. (2006). Transmissão de preços na cadeia de carne suína: uma aplicação para os preços de São Paulo. Revista de Economia e Agronegócio - REA, 4(3), 269-288.

Villwock, L. H. M. (2001). Consórcios Agroexportadores: Estratégia para o desenvolvimento competitivo da cadeia de produção de suínos no RS. (Tese de doutorado). Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, RS.
 


Submetido em:
10/07/2016

Aceito em:
28/10/2018

5dee50c30e8825156eb5f733 resr Articles

resr

Share this page
Page Sections