Revista de Economia e Sociologia Rural
https://revistasober.org/article/doi/10.1590/1806-9479.2020.191906
Revista de Economia e Sociologia Rural
ARTIGO ORIGINAL

Competitividade e efeito de medidas políticas no consórcio cacaueiro-seringueira

Competitiveness and effect of policy measures in production systems with cocoa and rubber tree

Adrielli Santos de Santana; Naisy Silva Soares; Moema Maria Badaró Cartibani Midlej; Adonias Castro Virgens Filho

Downloads: 1
Views: 454

Resumo

O presente trabalho analisou a competitividade e a eficiência do sistema de produção consorciada do cacaueiro com a seringueira, no sul do Estado da Bahia, através do método da Matriz de Análise de Políticas desenvolvida por Monke e Pearson. Foram mensurados os indicadores da MAP, agrupando-os em quatro categorias: análise de lucratividade; análise de eficiência; análise de proteção; e transferência líquida de políticas. Os resultados obtidos permitem afirmar que a consorciação das culturas do cacau com a seringueira é uma atividade lucrativa e competitiva, do ponto de vista privado e social. Todavia, os produtores são penalizados pela presença de políticas que incidem sobre o produto e sobre os insumos. Além disso observou-se que o comportamento dos indicadores está condicionado às oscilações nos preços do cacau e da borracha natural.

Palavras-chave

matriz de análise política, cacau, heveicultura, análise de risco

Abstract

The present work analyzed the competitiveness and efficiency of the consortium production system of the cocoa with the rubber tree, in the southern Bahia, through the policies analysis matrix method developed by Monke and Pearson. PAM indicators were measured and grouped into four categories: profitability analysis; efficiency analysis; protection analysis; and net policies transfers. The obtained results allow affirming that the intercropping of cocoa crops with the rubber tree is a lucrative and competitive activity, from a private and social point of view. However, producers are penalized by policies that affect the product and inputs. Moreover, it was observed that indicators’ behavior are conditioned to cocoa and natural rubber prices fluctuations.

Keywords

policy analysis matrix, cocoa, natural rubber, risk analysis

Referências

Adesina A. A., Coulibaly O. N. Policy and competitiveness of agroforestry-based technologies for maize production in Cameroon: an application of policy analysis matrix. Agricultural Economics. 1998;19(1–2):1-13.

Alvim M. I. S. A., Valle S. M. L. R., Lima J. E., Silva O. M. Análise da competitividade da produção de soja nos sistemas de plantio direto e plantio convencional na região do cerrado brasileiro. Revista de Economia e Sociologia Rural. 2004;42(2):223-42.

Araújo W. B. C. Matriz de Análise Política aplicada à cadeia produtiva da manga no município de Petrolina, Pernambuco. 2015.

Cotações agrícolas. 2017.

Cotações e boletins. 2017.

Aliceweb. 2017.

Preços agropecuários. 2017.

Fang C., Beghin J. C. Food self-sufficiency, comparative advantage, and agricultural trade: a policy Analysis Matrix for chinese agriculture. 2000.

Ferreira Neto J. Competitividade da produção de cana-de-açúcar no Brasil. 2005.

Faostat. 2017.

Freitas J. B. Competitividade, eficiência econômica e efeitos de políticas em diferentes níveis tecnológicos na cadeia produtiva do leite em pó integral no Rio grande do Sul: uma análise do método da Matriz de Análise Política (MAP). 2013.

Kanaka S., Chinnadurai M. The policy analysis matrix of rice cultivation in India. European Journal of Basic and Applied Sciences. 2015;2(1):8-19.

Malaysian Rubber Exchange. 2017.

Milhomem A. V., Teixeira S. M. Competitividade dos sistemas produtivos de café no Brasil. 2001:2136-44.

Mohanty S., Fan C., Chaudhary J. Assessing the competitiveness of Indian cotton production: a policy analysis matrix approach. 2002.

Monke A. E., Pearson S. R. The policy analysis matrix for agricultural development. 1989.

Moss S. R. Competitividade da produção do café arábica em Minas Gerais e São Paulo. 2006.

Oliveira A. J., Torres D. A. P., Talamini D. J. D., Martins F. M., Lima Filho J. R., Belarmino L. C., Lopes M. R. Matriz de análise política: metodologia e análise. 2012.

Pacheco M. T. M. Análise do desempenho na cadeia produtiva da maçã no corredor Vacaria - RS ao Porto de Rio Grande–RS: sob a ótica da Matriz de Análise de Política (MAP). 2014.

Pearson S., Gotsch C., Bahri S. Aplications of the policy analysis matrix in Indonesian agriculture. 2003.

Pires M. M. Perspectivas de expansão da produção de grãos em Minas Gerais no contexto da liberalização dos mercados. 1996.

Rosado P. L., Tosto S. G., Gomes M. F. M. Competitividade e expansão da produção de borracha natural brasileira, no contexto de liberalização dos mercados.. Seringueira: aspectos econômicos sociais e perspectivas para o seu fortalecimento. 2006:103-28.

Soares N. S., Silva M. L., Rezende J. L. P., Gomes M. F. M. Competitividade da cadeia produtiva da madeira de eucalipto no Brasil. Revista Árvore. 2010;34(5):917-28.

Sousa G. S., Pires M. M., Rosado P. L. Efeitos de políticas sobre a competitividade e eficiência da cadeia produtiva de biodiesel de dendê na região do Baixo Sul da Bahia. Revista Economica do Nordeste. 2011;42(4):827-41.

Sistema de Informações Municipais. 2017.

Vieira R. C. M. T., Teixeira Filho A. R., Oliveira A. J., Lopes M. R. Cadeias produtivas no Brasil: análise da competitividade. Revista de Política Agrícola. 2001;10(4):7-15.

Virgens Filho A. C. Programa de desenvolvimento do agronegócio da borracha no Estado da Bahia – PRODEAB. 2003.


Submetido em:
21/02/2018

Aceito em:
28/06/2019

5f11e3810e88254f3b1a886f resr Articles

resr

Share this page
Page Sections