Revista de Economia e Sociologia Rural
https://revistasober.org/article/doi/10.1590/S0103-20032003000400001
Revista de Economia e Sociologia Rural
Artigo original

Distribuição dos benefícios da estabilidade dos preços agrícolas entre consumidores

César Roberto Leite da Silva; Maria Auxiliadora de Carvalho

Downloads: 0
Views: 513

Resumo

Diversos estudos têm sugerido que a estabilidade de preços distribui benefícios entre grupos na sociedade. Este trabalho analisa a distribuição de benefícios decorrentes da estabilização dos preços agrícolas decorrentes do Plano Real, implementado em 1994, entre os consumidores da Região Metropolitana de São Paulo. Estimou-se uma medida de instabilidade de séries de preços de 19 produtos agrícolas importantes na alimentação, entre 1989 e 1998 para testar a eficiência do Plano Real em estabilizar preços. Para calcular a distribuição dos benefícios da estabilização entre consumidores estratificados segundo o nível de renda, estimou-se, inicialmente, o coeficiente de distribuição dos gastos com alimentação. Em seguida, os coeficientes de distribuição do conjunto de dezenove produtos agrícolas importantes na dieta das famílias. Os dados de orçamentos familiares são da Pesquisa de Orçamentos Familiares do IBGE, de 1996, e as séries de preços dos produtos agrícolas são do Instituto de Economia Agrícola. Os resultados indicaram que, no agregado, os benefícios da estabilização dos preços dos alimentos favoreceram relativamente mais os consumidores de baixa renda. Entretanto, o exame individual dos produtos sugere que os consumidores dos estratos de renda mais alta são proporcionalmente mais benefeciados com a estabilização dos preços dos produtos de elevada elasticidade-renda da demanda.

Palavras-chave

estabilização de preços agrícolas; distribuição de benefícios; distribuição de renda.
5cf838e60e8825a43c58d25b resr Articles

resr

Share this page
Page Sections