Revista de Economia e Sociologia Rural
https://revistasober.org/article/doi/10.1590/S0103-20032005000100005
Revista de Economia e Sociologia Rural
Artigo original

Determinantes da demanda de fertilizantes no Brasil no período de 1970 a 2002

Alexandre Chibebe Nicolella; Diogo S. Dragone; Carlos José Caetano Bacha

Downloads: 0
Views: 274

Resumo

Este trabalho estima uma equação de demanda para fertilizantes no Brasil, considerando o período de 1970 a 2002. Para tanto, procedimentos de análise de co-integração são utilizados. Constatou-se que apenas o modelo em nível (estimativa pelos mínimos quadrados ordinários), válido para o longo-prazo, apresenta bons resultados econométricos. A demanda por fertilizantes é inelástica a variações de preços e ao volume de crédito rural, o que é coerente com as estimativas internacionais feitas sobre a demanda de fertilizantes e com a essencialidade que o fertilizante tem para a agricultura brasileira.

Palavras-chave

fertilizantes, consumo, modelos de co-integração
5d062dd90e88253f44f70b6f resr Articles

resr

Share this page
Page Sections