Revista de Economia e Sociologia Rural
https://revistasober.org/article/doi/10.1590/S0103-20032007000100005
Revista de Economia e Sociologia Rural
Artigo Original

Estrutura de mercado da indústria de refino de açúcar na região Centro-Sul do Brasil 

Laura Poggi Rodrigues; Márcia Azanha Ferraz Dias de Moraes.

Downloads: 0
Views: 987

Resumo

O presente trabalho analisa a indústria de refino de açúcar no Brasil e identifica o comportamento da sua concentração de mercado para a região Centro-Sul do Brasil, baseado no modelo do jogo de dois estágios de Sutton (1991). Procurou-se analisar a influência dos distintos níveis de competição via preço e barreiras à entrada sobre a sua estrutura de mercado. Também se analisou a influência de fatores exógenos na determinação da concentração de mercado do setor. Compararam-se os resultados com os encontrados por Sutton (1991) para outros países. Verificou-se que a indústria de refino de açúcar no Brasil iniciou-se com pequenos e médios grupos comerciais, sendo o setor regionalmente concentrado. Durante a fase de intervenção destaca-se a alta concentração da indústria (na década de 1980 o CR4 foi de cerca de 80%). Observou-se entre as décadas de 1990 e 2000 o surgimento de marcas menores e a perda da participação de mercado da marca líder (União). Uma das explicações para o forte caráter concentrado da indústria são as barreiras à entrada ao setor: assim como as indústrias de açúcar refinado dos países analisados, a indústria de açúcar refinado do Brasil apresentou, em 2003, alto sunk cost exógeno em relação ao tamanho de mercado. 

Palavras-chave

indústria de refino de açúcar, concentração de mercado, sunk-cost exógeno, preços    
5d0646050e88252875f70b6d resr Articles

resr

Share this page
Page Sections